A impotência pode ser um alerta de outros problemas de saúde

 

A disfunção erétil ou impotência pode ser muito angustiante. Porém, para um tratamento eficaz, devem ser conhecidas as causas que vão desde problemas psicológicos, como estresse e ansiedade, até problemas físicos, como calcificação vascular.

O que causa a impotência?

As causas da impotência podem ser físicas ou psicológicas. No entanto, cerca de 70% dos casos de disfunção erétil em homens acima de 50 anos são causados por problemas físicos de saúde.

As causas físicas da disfunção erétil

Doenças cardiovasculares são as razões mais comuns para a disfunção erétil. Isso inclui o endurecimento das artérias (aterosclerose). Especialistas afirmam que todo homem que sofre de impotência está no grupo de risco de possuir doenças cardiovasculares. Ou seja, até que se prove o contrário, é muito provável que doenças como aterosclerose seja a causa principal da impotência. Pressão arterial alta e níveis elevados de colesterol também estão entre as possíveis causas. Outras causas podem ser diabetes, tabagismo, obesidade, insuficiência renal crônica, transtornos de testosterona ou do sistema nervoso.

Os efeitos colaterais de alguns medicamentos como neuro-bloqueadores (anti-depressivos) ou beta-bloqueadores também podem causar impotência.

Assim, não raro, a impotência é um sinal de alerta para outras doenças, como ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral. Além disso, doenças como câncer de próstata, fígado, rins, esclerose múltipla, Parkinson ou demência também são responsáveis pela disfunção erétil. Se não tratadas, essas doenças significam um risco grave para a saúde.

Causas psicológicas da impotência

A impotência também é causada por doenças psicológicas. Especialmente em homens abaixo de 35 anos. As principais causas psicológicas são estresse, ansiedade, depressão, conflitos de personalidade ou pressão por desempenho.

Ás vezes, as causas psicológicas e físicas da impotência não podem ser claramente separadas. Muitas vezes ambos os fatores estão envolvidos.

Tratamentos contra impotência

Os tratamentos contra impotência são muito pessoais. Cada caso é único. Portanto, o urologista é quem define o melhor tratamento.

Porém, qualquer tratamento contra impotência envolve um estilo de vida mais saudável. Ou seja, o que é bom para os vasos sanguíneos também é bom para a virilidade.

Portanto, não fumar, não tomar bebidas alcoólicas em excesso, reduzir o peso e praticar esportes fazem parte de qualquer terapia contra a impotência. O tabaco danifica as artérias, assim como a obesidade. A prática de esportes favorece todo o sistema cardiovascular.

Alimentação saudável e equilibrada também faz parte do tratamento. Uma dieta rica em frutas e legumes favorece o sistema circulatório em geral. E quem é diabético, deve se certificar de manter os níveis de açúcar no sangue sob controle.

0 respostas

Deixe uma resposta

Participe da discussão.
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *