Conheça a disforia pós-sexo, problema que aflige homens e mulheres

De acordo com estudo recente, 41% dos homens entrevistados já experimentaram o desconforto em algum momento da vida.

Você já ouviu falar em tristeza pós-sexo?

Parece contraditório, mas esse desconforto afeta muita gente. Até recentemente, acreditava-se que a disforia pós-sexo (ou depressão pós-sexo) era uma situação que afetava exclusivamente mulheres. Mas um novo estudo, publicado no periódico Journal of Sex & Marital Therapy aponta que esse tipo de tristeza também afeta os homens.

De acordo com os resultados, 41% dos homens entrevistados já experimentaram disforia pós-sexo (PCD, na sigla em inglês) em algum momento da vida. Pesquisas anteriores feitas com mulheres mostram um porcentual de até 46%. Até recentemente, a maioria dos estudos sobre disforia pós-sexo era focada no sexo feminino devido à crença de que era uma condição que acometia apenas mulheres.

Além de tristeza, vergonha e ansiedade – comuns a quem sofre da condição –, algumas pessoas ainda podem ficar irritadas e agir de forma abusiva física ou verbalmente. Segundo especialistas, as causas podem estar relacionadas a processos hormonais e estresse psicológico.

PCD em homens

Os psicólogos da Universidade de Tecnologia de Queensland, na Austrália, responsáveis pelo novo estudo, entrevistaram 1.208 homens de 78 países. As respostas revelaram que os entrevistados tinham preferência por não serem tocados ou queriam ficar sozinhos depois do sexo. Outros confessaram vivenciar sentimentos de insatisfação e irritabilidade. A frequência com que experimentavam isso mostrou-se variada: 4% relataram experimentar PCD regularmente, 20% tiveram ao longo do mês que antecedeu a pesquisa e 41% disse ter vivenciado a depressão pós-sexo pelo menos uma vez na vida.

Fonte: Veja.com

0 respostas

Deixe uma resposta

Participe da discussão.
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *